Minicast Game of Thrones S04E01

Game of Thrones!! O jogo das cadeiras voltou meus amigos, e junto com ele o Minicast do Cine Alerta também.

Mas como foi esse retorno? Será que foi só alegria, depois de um ano esperando a série voltar?

Sem mais, aperte play e venha discutir e comentar com Tiago LamonicaAlexandre Luiz, Warley Bonanno e Davi Garcia sobre o episódio.

Links do Podcast

Links Cine Alerta

Assine nosso feed:

Contato:

Mandem seus e-mails para [email protected], ou comente no post logo abaixo!

Redação

Comente pelo Facebook

Comentários

Comente pelo Facebook

Comentários

7 comments

  1. Allan Veríssimo 11 abril, 2014 at 10:45 Responder

    Eu estava com muitas saudades da série e também dos minicasts. A quarta temporada é a temporada pela qual eu estou mais ansioso, pois será baseada na segunda metade do terceiro livro. Se os roteiristas fizerem um bom trabalho de adaptação, creio que tem tudo para ser a melhor temporada da série.

    Sobre o episódio em si: de minha parte eu achei ótimo. Normalmente, os seasons premieres de Game of Thrones costumam ser bem mornos, apenas repassando cada um dos núcleos dramáticos, e mostrando ao espectador para onde as subtramas irão caminhar nas novas temporadas. Nesse caso, eu achei que o episódio teve um bom ritmo graças aos divertidos diálogos (todo episódio de Game of Thrones deveria ter obrigatoriamente duas cenas envolvendo Tyrion e Bronn). Os melhores momentos do episódio foram a ótima introdução do Oberyn Martell e, é claro, a sequência final envolvendo Ayra e o Cão.

    Dito isso, um elemento que eu gostaria de mencionar na cena do Jon Snow: vocês perceberam que aquele careca que estava insultando o Jon o tempo todo era o Janos Slynt? Para quem não lembra, ele é o homem que traiu o Ned Stark na primeira temporada, e foi exilado pelo Tyrion na segunda temporada, na clássica cena do "Eu não estou questionando a sua honra, estou apenas negando a sua existência".

    Já sobre a troca do Daario Naharis, vamos admitir que aquele outro ator era muito ruim. Esse aqui me pareceu bem melhor.

    Agora é esperar pelo episódio 4×02, que deve ser focado nos outros núcleos que não apareceram nesse primeiro episódio: Bran, Stannis e Theon. E detalhe: o episódio 4×02 foi roteirizado pelo próprio George R.R. Martin.

    E parabéns ao minicast, que foi ótimo.

  2. Joana Masen 11 abril, 2014 at 11:04 Responder

    Acho que foi quase um consenso essa cena da Arya com o Cão, todo mundo parece ter gostado. Ela representa exatamente esse fim da inocência da personagem e deixa em aberto um leque de possibilidades futuras, onde ela poderá concretizar sua vingança. E o Rei Joffrey realmente consegue irritar a todos, junto com sua mãe, que, apesar de todas as maldades que já cometeu, se mostrou apenas uma mulher carente que se sentiu sozinha por muito tempo. Eu também quero que ela sofra muito e morra!
    Tomara que a série continue nessa linha, agradando aos espectadores e com essa qualidade impecável que vem mostrando até agora.
    Ótimo cast, vocês conseguiram resumir bem o episódio, comentar cada cena importante e refletir o que parece ser a opinião da maioria. Parabéns.

  3. Maria Fernanda Parecis 12 abril, 2014 at 16:05 Responder

    Antes de falar de GOT preciso dizer que eu estava com saudades de vocês…

    Dando início aos trabalhos:
    O começo da série tende a ser mais morno, até porque a finale da terceira temporada foi a meses atrás, existem muitos personagens (as vezes eu tenho a impressão de que para cada personagem morto surgem mais três), muitas histórias que nem sempre tem um ponto em comum.
    O fato de eu ter achado a narrativa mais lenta não quer dizer que tenha sido ruim. Como não amar um episódio que tem Velha Olena, Papai Lanister, Anão, Aria, Dany e Puteiro do Mindinho???

    Oberyn chegou causando. Tudo relacionado a ele foi muito legal. A cena do Tyrion e Bronn esperando por ele, o teste de elenco pra suruba, a facada no Lanister avulso a conversa com o Tyrion. Eu gostei de cada parte. Muitas vezes quando um personagem é introduzido eu fico me perguntando "Qual é a desse cara?". Nesse caso ele já deixou claro.

    A Dany, filha da tormenta, mãe dos dragões e rainha da maior friend zone já vista, está enfrentando o maior pesadelo de uma mãe: Filhos adolescentes.
    Eles são chatos em qualquer lugar, mas estamos falando de três criaturas com um poder de destruição muito maior do que uma menina de 15 anos com um celular na mão. Sinto que isso ainda vai ser um problema gigantesco pra ela.

    Eu diria que a Aria está no top 5 personagens favoritos de quase todo mundo que assiste a série. Assim como o Oberyn, ela tem motivações e objetivos muito claros.Talvez porque sejam pessoas sem motivações políticas (É uma série sobre política e poder e essa dinâmica está presente em quase todos os núcleos).
    Ela e o Cão no boteco foi incrível. Todo mundo que estava assistindo sabia o que ia acontecer, ia rolar uma pancadaria e ela ia pegar a espada de volta. Nem por isso foi menos PHODA. O mais interessante é que ela mata sem ter nenhum tipo de crise de consciência. O que é maravilhoso! Se eu tivesse que ouvir um mimimi cada vez que alguém leva uma facada no bucho em Westeros eu já teria abandonado essa série a muito tempo.

    Precisou de DUAS temporadas do Jon "You know nothing" andando na neve pra ele demonstrar a evolução que eu estava esperando.
    Eu gosto muito da trama além da muralha, mas acho que essa história não foi bem adaptada para a TV. Não consigo sentir a mesma instabilidade que os livros passam. Ta vindo uma galera, seguida por zumbis montados em cavalos manerios e parece que tá tudo OK.
    Eu adorei a cena do "julgamento", ele realmente cometeu muitos crimes segundo o código dos patrulheiros, mas isso não é nada perto do que tá acontecendo.

    Desculpem o comentário gigantesco!
    OBS: O elenco da terceira idade me faz feliz só de aparecer na tela.

  4. Chelsea 13 abril, 2014 at 18:06 Responder

    Amei o podcast e quando vi o Daario quase não o reconheci tbm (jurava que era um personagem nada a ver que eu tinha esquecido qual era, o que acontece várias vezes em GoT com muitas pessoas, creio eu.) Na internet dizem que o ator foi trocado pois o Daario louro foi fazer Transporter (substituindo Jason Statham, que deve ganhar mais dinheiro fazendo Os Mercenários), por isso chamaram esse outro ator. Mas, realmente, HBO comeu mosca na hora de escalar, afinal, esse cara não tem NADA a ver com o antigo.
    Mas, sei lá, vai que dizem que ele é tipo aquele amigo da Arya que muda a cara?

  5. Jorge 14 abril, 2014 at 03:13 Responder

    Muito feliz que o Minicast voltou…
    Escuto todos os podcasts do site desde o primeiro minicast de Game of Thrones, só que a maioria das vezes não comento…
    O que mais gosto de vocês são excelentes análises que fazem sobre filmes, séries e a cultura pop…
    Parabéns pelo trabalho…
    Até a semana que vem…

    PS: Quais são os personagens favoritos de vocês? Abraço…

Deixe uma resposta