Minicast Game of Thrones S03E03

Chegamos ao terceiro episódio desta terceira temporada de  Game of Thrones. 

Aperte o play e venha comentar com   Tiago LamonicaAlexandre LuizWarley Bonanno e Michel Arouca sobre esse, que até aqui se mostrou o melhor episódio desta temporada.

Links do Podcast

Links Cine Alerta

Assine nosso feed:

Contato:

Mandem seus e-mails para [email protected]br, ou comente no post logo abaixo!

Redação

Comente pelo Facebook

Comentários

Comente pelo Facebook

Comentários

11 comments

  1. Avatar
    Maria Fernanda Parecis 21 abril, 2013 at 12:23 Responder

    Concordo com o Michel, esse foi o melhor episódio até agora. Dani vai por fogo naquela cidade? Sim ou com certeza?
    O Stanis não é casado? Não tem filhos? Talvez fosse disso que a piranha vermelha tava falando quando disse que precisaria sacrificar o sangue do rei. Isso quer dizer que em breve seremos apresentados a mais personagens.
    O Encantado acaba de entrar no meu top 5 personagens favoritos de GOT.

  2. Avatar
    Marcos 23 abril, 2013 at 09:33 Responder

    Pelos comentários dá para ver que ninguém ali leu o livro 3. O Torta-Quente não morre no livro, na verdade o fim dele na série é idêntico no livro 3. Quem morre no livro 2 é outro personagem.

  3. Avatar
    Jocelyn Alencar 23 abril, 2013 at 15:16 Responder

    Muito legal o podcast de vocês! Comecei a recomendar pros meus amigos que acompanham a série.
    Quero (tentar) contribuir aqui com alguns pontos que ficaram em aberto, principalmente por ter faltado alguém que já leu os livros, nesse podcast especificamente (pelo menos foi o que deu a entender).

    1- O Jaime Lannister perde realmente a mão da espada. Convenhamos que a série não poderia ser responsável por uma mudança tão drástica na história de um personagem. A mesma coisa aconteceria se, na série, eles decidissem por "não cortar" a mão dele. Esse acontecimento é o ponto de partida pra grande evolução do personagem, inclusive a partir do Livro Três, A Tormenta de Espadas, o Jaime se torna POV recorrente, o que faz com que os leitores comecem a entender suas motivações, e até passem a simpatizar com ele. Essa reviravolta é muito legal, ao meu ver.

    2- O cara que ajuda o Theon, ao que tudo indica é o Ramsey Snow, bastardo do Roose Bolton, que após ser assumido passou a se chamar Ramsey Bolton. O cara é um chaotic evil ao extremo, pelo que ouvi falar, e o Theon sofre muito na mão dele. Não posso falar mais porque isso faz parte da trama do Livro Cinco, que ainda não li.

    3- Sobre o sangue real que a Melisandre tá procurando, o livro concentra essa parte da trama em um bastardo de Robert Baratheon que vivia em Ponta Tempestade, chamado Edric Storm. Inclusive esse plano da Melisandre no livro é muito interessante. Não sei se posso falar aqui, porque fiquei confuso se a série, ao adaptar a trama, já abandonou esse caminho ou ainda vai mostrar algo parecido. De qualquer forma, o sangue de bastardo vale sim como sangue real, e com isso ela pode começar a procurar o Gendry. No caso isso seria uma adaptação da série, para não colocar um novo personagem na parada e confundir ainda mais a galera.

    No mais, acho que a série ta acertando bastante nas adaptações, se mantendo fiel e ficando cada vez mais empolgante, principalmente do segundo episódio pra cá. Eu estava implicando cada vez mais, principalmente por causa da segunda temporada, que achei fraquíssima, mas acho que agora vai! Desisti de desistir da série, e vamo ver o que ela reserva hahaha

    É isso, abração!

    • Avatar
      Zé Guilherme 23 abril, 2013 at 19:43 Responder

      Valeu o comentário cara, que bom que você está gostando da adaptação. Eu também li os livros e me decepcionei bastante com a segunda temporada, mas acho que ela foi tão pobre quanto o segundo livro é e na essência conseguiu passar bem o que A Fúria dos Reis representa (só reclamando da Casa dos Imortais). Eles até agora estão se demonstrando mais do que fiéis com A Tormenta (e ainda melhorando o unierso ao dar um espaço tão merecido aos Tyrell) também e isso com certeza vai alavancar a temporada até para aqueles telespectadores mais descrentes. =)

      • Avatar
        Jocelyn Alencar 25 abril, 2013 at 14:06 Responder

        Quanto ao livro 2, concordo que ele é mais pobre que os outros, realmente. A intenção de escrever praticamente uma nova trama pro núcleo da Daenerys se justificaria se essa nova trama fosse realmente boa (já que no livro não acontece quase nada), mas não é. E a Casa dos Imortais foi a maior decepção, realmente. Algo diferente aconteceu no núcleo da Arya, em que a adaptação se mostrou até melhor que o livro, mais dinâmica e tensa.
        Agora o livro três é absurdamente bom, e pra série ficar boa, basta continuar sendo fiel a ele. É o que eles estão fazendo 🙂
        Mas convenhamos que a segunda e a terceira temporadas ficaram devendo um prólogo no nível do da primeira. Aquela coisa "WTF" que te deixa perplexo. Por exemplo, o prólogo do segundo livro, mostra logo de cara o núcleo do Stannis, o cara mais falado do livro/temporada anterior, acompanhando a história daquele meistre dele. Isso sim seria uma abertura digna de temporada. Algo totalmente novo. Falta os produtores terem essas sacadas, na minha opinião.

Deixe uma resposta