Minicast Game of Thrones S06E03

minicastgot603

Olá, amigos!  Alexandre Luiz, Davi Garcia e Wilker Medeiros e Allan Veríssimo se reúnem nesse Minicast pra comentar um episódio morno de Game of Thrones, mas ainda assim com muito a oferecer aos fãs! Aperte já o play e venha descobrir porque o João Kléber fez uma participação em Westeros, o que diabos é a Torre da Alegria e porque ninguém aguenta mais o Sam!

Links do Podcast

Links Cine Alerta

Assine nosso feed:

Contato:

Mandem seus e-mails para alertavermelho@cinealerta.com.br, ou comente no post logo abaixo!

Redação

Comente pelo Facebook

Comentários

Comente pelo Facebook

Comentários

6 comments

  1. Avatar
    Jorge 13 maio, 2016 at 05:16 Responder

    Mais um ótimo minicast, como sempre.

    Só tenho um adendo para fazer.

    Tanto nos livros como na série, o Ned não fica se gabando que derrotou o Arthur Dayne não. Bran disse que ouviu essas história mil vezes, isto é, ele ouviu isso de muita gente, mas da BOCA DO PAI ele ouviu de forma diferente. Em nenhum momento o Ned disse que ele derrotou o Arthur Dayne. Ele disse que se não fosse pelo Howland Reed ele provavelmente estaria morto. Ele matar e derrotar não necessariamente é a mesma coisa.

    Tá aqui a passagem do segundo livro.

    "– Havia algum que fosse o melhor de todos?
    – O melhor cavaleiro que já vi foi Sor Arthur Dayne, que lutava com uma lâmina chamada Alvorada, forjada do coração de uma estrela caída. Chamavam-no Espada da Manhã, e teria me matado se não fosse Howland Reed.
    O pai então tinha ficado triste e não quis dizer mais nada. Bran gostaria de ter perguntado o que queria dizer aquilo."
    A Fúria dos Reis, Capítulo 21, Bran. – Livro 2.

    Na série vemos o Ned acabar com o sofrimento do Arthur Dayne depois de ele ter sido esfaqueado pelas costas. O próprio Ned sabe que o Arthur Dayne não teria morrido se eles continuassem lutando de forma LIMPA, não é a toa que ele ficou triste como vemos na passagem acima. O Ned com certeza não se orgulha disso. Também temos que pensar no lado do Howland Reed, ele estava vendo o seu suserano e AMIGO quase sendo morto, ele tinha que fazer alguma coisa.

    Um dos nossos bens mais preciosos é a nossa VIDA. Temos que viver ao máximo. Se não fosse pelo Howland Reed o Ned estaria morto e toda missão de encontrar a Lyanna iria por água abaixo

    Sem contar que a guerra acabou ali depois de os últimos Cavaleiros da Guarda Real do Rei Louco (com exceção do Barristan e o Jaime) morreram. Na guerra vale tudo pra continuar vivo. Sem contar que o Ned estava procurando sua irmã. Ele não a encontraria se estivesse morto. Por aqueles que amamos nós fazemos muitas coisas. Mesmo que as vezes não tenha honra em certos aspectos.

  2. Avatar
    Priscila 13 maio, 2016 at 20:08 Responder

    PAREM DE MATAR OS LOBOS!!!!
    Achei o episódio um pouco arrastado. A Torre da Alegria realmente foi bem frustrante, mas adorei a luta.
    Sam e Gily foi uma cena bem desnecessária. A cena que me comoveu foi quando mostram a cabeça do Cão Felpudo.
    Acho que o arco da Dany não vai ficar se arrastando muito. Até porque, se eles querem terminar a série nas próximas duas temporadas, ela tem que sair de Meeren nessa. Ou será que ela chegará e conquistará Weteros em cinco minutos?

    Bom,de qualquer forma vocês estão de parabéns. E continuem trazendo o Allan.

    OBS: Eu acho que o Jon só será herdeiro ao trono se o Rhaegar tiver casado com a Lyanna, se não, ele continuará um bastardo, porém um bastardo Targaryen. Ele precisaria ser legitimado por decreto real para ter algum direito.

  3. Avatar
    @cilameireles 13 maio, 2016 at 21:06 Responder

    PAREM DE MATAR OS LOBOS!!!!

    Eu achei o episódio meio arrastado. A Torre da Alegria foi bem frustrante, mas adorei a luta. Sam e Gilly foi bem desnecessário. Acho que não vão ficar arrastando o arco da Dany por muitos episódios, já que se eles pretendem terminar a série nas próximas duas temporadas, ela tem que sair de Meeren nessa temporada. Ou será que ela conquistará Westeros em cinco minutos? (Mas isso é minha opinião.)

    Eu já esperava que algo assim iria acontecer com o Rickon, mas fiquei muito triste com a morte do Cão Felpudo.

    Vocês estão de parabéns. E continuem trazendo o Allan.

    OBS: acho que o Jon só será herdeiro ao trono se o Rhaegar tiver casado com a Lyanna. Se não, ele continuará sendo um bastardo, mas um bastardo Targaryen. Ele teria que ser legitimado por decreto real para ter algum direito.

    • Avatar
      Alexandre Luiz 14 maio, 2016 at 08:56 Responder

      Valeu pelo comentário Cila! E você tem razão, tadinhos dos lobos 🙁 Sobre o Jon precisar de decreto pra ser herdeiro, do jeito que a coisa anda em Westeros, até o final não sobra ninguém pra oficializar esse decreto e ele assume mesmo assim rsrs Mas como falei no programa, se ele for mesmo filho do Rhaegar, não sei se seria ele sozinho a assumir o trono. Dany é legítima, então ela assumiria (tirando a necessidade dos procedimentos burocráticos numa jogada política bem feita rs) com Jon e Tyrion dividindo o poder. Não sei, é só uma teoria minha, de que depois de tanta luta pelo trono, percebam finalmente que a solução é unir forças. Mas vamos ver, GoT é mestre em quebrar expectativas, talvez o final seja totalmente inesperado. Grande abraço!

  4. Avatar
    Vinicius Ferreira Barboza 18 maio, 2016 at 21:53 Responder

    Oi.
    Otimo cast como sempre.
    Apesar de toda a fantasia, ressurreiÇões, visões do passado, e a Grande Noite.

    Será que teremos mudanÇas na forma de governo no mundo de gelo e fogo como uma evoluÇão ou revoluÇão, como conta a história do nosso mundo ?

    Bastardos em Dorne, Porto Real, Winterfell, Muralha, Filhos da guerra dos 5 Reis, exercendo seus podres poderes
    A honra foi quebrada em todos os lugares.

    Que o Senhor da Luz os ilumine, pois a noite é escura e cheia de terrores.

Deixe uma resposta