Alerta Vermelho #78 - Oscar 2015: Os Indicados A Melhor Filme

No próximo dia 22 de fevereiro teremos a entrega do Oscar 2015. O prêmio tem muitas categorias, mas para esse podcast resolvemos focar somente na que mais chama a atenção da noite, a de Melhor Filme. Juntamos nossa equipe para comentar os indicados, e especular quais tem mais chances de levar o grande prêmio.

Sem mais delongas, aperte play e venha comentar e discutir com Tiago LamonicaAlexandre LuizWarley BonannoDavi Garcia e Luan Cardoso sobre este filme.

Links do Podcast

Assine nosso feed:

Contato: Mandem seus e-mails para alertavermelho@cinealerta.com.br, ou comente no post logo abaixo!

Redação

Comente pelo Facebook

Comentários

8 comments

  1. Avatar
    Douglas Couto 18 fevereiro, 2015 at 03:38 Responder

    O que eu mais gostei foi Whiplash, não tem jeito, só de ouvir a musica tocando no cast já deu vontade de assistir pela terceira vez (vi duas no mesmo dia, a segunda junto com a família), e tbm é bonito de ver que foi feito por um diretor tão jovem, eu como estudante do audiovisual tento me colocar no lugar dele, com 29 anos tendo seu filme indicado ao Oscar, que alegria deve ser. Eu consegui me sentir dentro do filme, a cada plano fechado e de detalhe nas baquetas eu ficava tenso torcendo rpa ele acertar, chegou um momento que tava suando junto com ele kkkkk nenhum outro filme que está concorrendo fez eu sentir tanta alegria de estar vendo algo realmente bom

    Sobre Birdman, como foi bom ouvir vcs detonando esse filme. Confesso que eu fui um dos que ficou maravlhado pela técnica e logo em seguida caguei pra história e ao terminar tinha achado um filme bom pelo jeito que foi feito mas não tinha curtido a história, na verdade nem prestei atenção direito nela. E me identifiquei muito com o que o Davi falou, certeza que se eu visse uma segunda vez a nota ficaria mais baixa.

    Sobre O Jogo da Imitação, na atuação do Cumberbatch eu acho que pelos personagens serem tão parecidos, Sherlock e Alan Turing, algumas coisas podem ficar bem parecidas mesmo como o inicio dele sendo arrogante (coisa que o roteiro estereotipou porque na vida real ele não era assim) mas ele se mostrou muito bom conseguindo ser diferente mesmo com tantas semelhanças, o olhar, a forma de andar, falas pausadas, a cena final foi visceral. E deu muita raiva no final ver o quanto a Inglaterra foi injusta com esse cara. Eu tinha achado que o filme tinha dado um tempo certo pra explorar a sexualidade dele, metade focando o feito dele com toda coisa da maquina e só depois tocarem na outra questão, mas ouvindo o podcast realmente parece que eles ficaram meio com medo de focar nisso desde o inicio e fizeram muito rápido no final.

    A Teoria de Tudo pra mim foi mamão com açucar, eu tbm gostei mais da cena que ele ta lá apresentando as coisas e queria até ver mais disso, mas entendi o foco no romance por conta de ser adaptado de um livro escrito por ela, é o formulaico legal de assistir, mas realmente como vcs falaram não é pra Oscar.

    Vi Boyhood e apesar de reconhecer as qualidades não gostei muito, sempre que eu via o Alexandre escrever sobre os filmes no Twitter (nao aparecia todo o texto pq vinha do Instagram) ele começava mais ou menos assim "Parece incapaz de criar conflitos" eu sempre clicava achando que era Boyhood e nunca era (era Sniper e Teoria de Tudo rs) pq foi o que eu achei, algo bem realista é verdade, mas com os dramas meio superficiais, sempre que parecia que ia aprofundar em alguma coisa e até criava um conflito mas cortava e a cena seguinte já começava com todo mundo de cabelo diferente pq já passou o tempo, tinha impressão de que não tava desenvolvendo nada completamente. Achei q também era bom, mas não tanto pra Oscar, porém o Alexandre conseguiu me convencer em partes, é verdade, foi algo diferente e vai ser lembrado, isso é arte e são coisas assim que merecem a atenção, melhor do que dar pro Birdman.

    E mesmo se Sniper Americano (que ainda vou ver) ganhar, continuem fazendo os podcasts de filmes do Oscar kkkkkk é sempre muito legal ouvir vcs.
    E se der pra alguém responder eu queria saber se vcs colocariam (pra completar os 10 de melhor filme) O Abutre e Foxcatcher? Ainda não pude ver esses.

    • Avatar
      Davi Garcia 18 fevereiro, 2015 at 17:51 Responder

      Douglas empolgadaço no comentário. Muito bom, cara! E sobre sua pergunta final, eu indicaria O Abutre fácil, fácil. Foxcatcher (que eu gostei, mas não amei), não dá para entender pq não foi indicado a melhor filme já que entrou na disputa de direção e roteiro, o que já deveria ser meio caminho para também entrar na corrida principal. Vai entender os critérios dessa Academia… Abraço!

  2. Avatar
    Danilo Andrade 19 fevereiro, 2015 at 20:10 Responder

    continuem fazendo podcasts sobre o oscar, pois vocês dão uma descontraída ao contrário do podcast do site que frequento que é o cinema em cena cujos caras falam de uma forma séria (mas não tanto) e isso por vezes fica chato, não é a toa que procurava por podcasts de outros sites de cinema até encontrar o alerta vermelho do cine alerta que não fica no sério, mas também não fica fazendo gracinhas como outros podcasts como o rapaduracast do cinema com rapadura no qual tentei ouvir a primeira edição e não aguentei de tanto ouvir os caras fazendo comentários engraçadinhos a toda hora, eu não sou retardado (no pior sentido e no estilo zorra total) pra ouvir merda, sempre queria ouvir 1 podcast que não seria tão sério e sim moderno, mas sem tratar o cinéfilo como se fosse uma criança de 10 anos, há limites pra tudo e por isso gosto de vocês do cine alerta que fazem esses podcasts falando de uma forma simples e legal, mas sem ser sério ou engraçadinho demais, abraços pra todos vocês, principalmente o alexandre luiz e o luan cardoso que é bem mais crítico do que o pablo villaça do cinema em cena que fica sempre botando discussões políticas e religiósas (ele é ateu) que cansa o leitor mais sensato em suas críticas (principalmente em filmes de 5 estrelas quando tem textos quilométricos), enfim já disse tudo.

    valeu pessoal do cine alerta

    PS: faz podcasts da série mad max aproveitando que vai ter o novo filme e de vários diretores como já fizeram de hitchcock até nolan.

  3. Avatar
    Max 19 fevereiro, 2015 at 17:30 Responder

    Quando vi Birdman eu achei que tinha algum problema comigo, pois todo mundo louvava/louva tanto esse filme de uma forma que não entrava na minha cabeça, vi o filme duas vezes e tive a mesma impressão: o filme é muito, mas muito superestimado. É o que vocês disseram, a técnica cega as pessoas que vêem o filme e não percebem que o filme tem um roteiro massante que sobrevive de referências aos bastidores de Hollywood.
    Sobre A Teoria de Tudo, eu gostei bastante, mas não o indicaria ao Oscar de melhor filme. Sobre O Jogo da Imitação, eu fiquei surpreso quando o filme acabou, pois eu senti a falta de desenvolvimento das coisas que foram pregadas ao longo do filme, pareceu um filme tão leve enquanto eles prometiam um filme com uma densidade maior.
    Whiplash é de longe o meu favorito. Quando o filme acabou eu quis vê-lo novamente, e depois vi com minha namorada e depois vi com meus amigos e toda vez eu me via nas minhas companhias tensas com aquele final formidável.
    O Grande Hotel Budapeste é meu filme favorito depois de Whiplash. Eu ri pra cacete com o filme, fiquei vislumbrado com seu visual, achei as atuações excelentes, o roteiro afinado e a direção primorosa. E fiquei muito triste pelo Ralph Fiennes não estar concorrendo, já que o personagem que ele fez foi fantástico, com aquele humor sério, "dramediante" rs.
    Selma foi o filme mais subestimado desse Oscar, o filme todo é espetacular, tanto em atuações como em roteiro.
    Sniper Americano não vi até agora e não tenho vontade, mas verei até domingo.
    Boyhood eu achei um filme bem sensível e trata bem das diferentes fases da vida de uma pessoa, marca registrada do diretor. Seu processo de filmagem foi difícil e acredito que os votantes saberão reconhecer a dificuldade.
    No mais, só me resta elogiar novamente o podcast, que tem a melhor equipe de qualquer podcast nacional, e que precisa ser mais escutado. De todas as opiniões sobre o Oscar, essa foi a que mais entrou em sincronia com minhas ideias e a que teve os melhores argumentos apresentados.

    Abraço a todos!

  4. Avatar
    Jorge 21 fevereiro, 2015 at 05:58 Responder

    Grande podcast!
    Fui escutar jurando que vocês iriam comentar sobre todas as categorias, como muitos podcasts fazem. Não que eu não goste de escutar sobre todas, mas eu me surpreendi positivamente. Adorei o formato, pois em muitos outros podcasts sobre o Oscar que escuto a gente escuta meio que por cima sobre as categorias até porque são muitas, mas aqui a profundidade que vocês comentaram sobre cada filme foi excelente. Parabéns e obrigado.

    PS 1: Poxa, não tão empolgado pra assistir American Sniper, pois gosto de filmes do tipo e dei uma desanimada, mas beleza.
    PS 2: Vocês sentiram falta de Garota Exemplar?

    Um grande abraço e até a próxima.

    • Avatar
      Alexandre Luiz 21 fevereiro, 2015 at 10:29 Responder

      Valeu, Jorge! Quanto a Garota Exemplar, poderia muito bem estar no lugar de American Sniper, Teoria de Tudo ou Jogo da Imitação. Anos luz a frente de qualquer um desses três em tudo! Grande abraço!

  5. Avatar
    @CB_Sarah 22 fevereiro, 2015 at 01:16 Responder

    Amei o podcast! Incrível como as opiniões apresentadas vão de encontro com as minhas percepções sobre os filmes indicados e, mesmo quando divergentes são muito bem fundamentadas. O meu oscar de melhor filme vai para Boyhood, pelos exatos motivos expostos pelo Alexandre. Quando assisti Birdman não entendi porque não consegui gostar tanto quanto deveria, levando em consideração o hype sobre o filme, vocês conseguiram esclarecer o porquê. Whiplash também é maravilhoso, assim como o Grande Hotel Budapeste, mas meu coração é de Boyhood. Apesar de sabermos que o Oscar na maioria das vezes não é justo, e não tem tanta importância assim para os verdadeiros apreciadores de bons filmes, gostaria de ver Linklater levando a estatueta para casa amanhã. Obrigada por compartilharem suas opniões de forma bastante coerente e verdadeira, provocando reflexões e expondo visões diferentes sobre o mesmo filme. Continuem com o ótimo trabalho! Abs

Deixe uma resposta