Minicast Game of Thrones S04E03

Depois do movimentado episódio 2, Game of Thrones volta com um ritmo mais leve, mas ainda sim com um ótimo episodio.

Com isso em mente, aperte play e venha discutir e comentar com Alexandre LuizWarley Bonanno,  Davi Garcia e Igor Frederico sobre o episódio.

Links do Podcast

Links Cine Alerta

Assine nosso feed:

Contato:

Mandem seus e-mails para alertavermelho@cinealerta.com.br, ou comente no post logo abaixo!

 

Redação

Comente pelo Facebook

Comentários

Comente pelo Facebook

Comentários

5 comments

  1. Avatar
    Rubens da Cunha 25 abril, 2014 at 10:23 Responder

    Parabéns mais uma vez pelo podcast, sobretudo pela análise bem humorada dos absurdos. Eu queria saber também como a Dynares alimenta e lava aquela povo todo,estão sempre tão limpinhos e gordinhos 🙂 Quanto à polêmica da cena do estupro, acho que faltou coragem à direção e aos roteiristas. Essa ambiguidade me pareceu uma moderada, sua superficializada na situação. Se houvesse consenso, culpa e desejo, luto e sexo, enfim, se não houvesse os "nãos" seguidos de Cersei, ou o "nem ligo" do Jaime a coisa toda seria muito mais contundente, muito mais transgressora. Dessa forma, criou-se agora o time estupro versus o time não foi estupro, quando o que se tem ali é algo realmente mais devastador, mas que não me pareceu a aposta dos criadores da série.

  2. Avatar
    Allan Veríssimo 25 abril, 2014 at 11:22 Responder

    Parabéns por mais um ótimo minicast. De minha parte, também achei que foi um ótimo episódio, apesar do ritmo ser consideravelmente mais lento do que os dois anteriores. No geral, o episódio mostrou muito bem as consequências da morte do Joffrey para Westeros, como o fato de que o novo rei será facilmente manipulado pelo Tywin; e também desenvolveu mais as tramas da Daenerys e da Muralha (e é um alívio ver que finalmente algo de importante vai acontecer no núcleo do Stannis). Só a sequência envolvendo Sam e a garota selvagem pela qual ele está apaixonado que eu achei que acabou sendo mais longa do que deveria ser, ocupando um espaço que poderia ser gasto em outras subtramas mais interessantes. Mas por enquanto, a quarta temporada permanece excelente e promissora.

    E mais uma novidade interessante que saiu nessa semana: o season finale dessa quarta temporada vai ser o episódio mais longo de toda a série: 66 minutos.

  3. Avatar
    Priscila 25 abril, 2014 at 20:45 Responder

    Olá rapazes. Parabéns pelo minicast.
    Finalmente encontrei pessoas que assistiram ao mesmo episódio que eu, pois eu já estava ficando preocupada com os comentários que andei vendo sobre o episódio.
    Bom, sobre a cena da Cersei com o Jaime prefiro nem comentar, já que eu mesma fiquei com certa dúvida até que ponto o sexo foi consensual. De qualquer forma, pelo que entendi fora os argumentos sobre a misogenia da série, outra coisa que foi muito debatida foi a postura do Jaime. Nos livros, mesmo antes de ter a mão cortada, ele repudiava estupros. Esse era um dos limites do personagem. Ele salvou a Brienne, mas(ao que parece) também era o único que defendia a mãe da Daenerys quando o Rei Louco tentava estuprá-la. Isso teria distorcido o personagem e blá blá blá sobre a diferença entre o livro e a série.
    Espero ter esclarecido um pouco do debate em relação a cena.

  4. Avatar
    Diogo Andrade 29 abril, 2014 at 23:51 Responder

    Muito bacanas estes micasts sobre a série. Concordo que foi uma pena esse episódio ficar marcado por uma única cena. E já que mencionei ela, o que me incomodou não foi o "estupro" e sim que ela bate de frente com a redenção de Jamie Lannister que vem sendo construída desde a última temporada. No material original é claro que não houve estupro. A ambiguidade deixada pelo diretor do episódio é interessante e é de acordo com a série. Mas feriu (talvez gravemente) a lógica do que vem sendo feito com o personagem

  5. Avatar
    sofia 23 maio, 2014 at 14:46 Responder

    A terceira temporada de “Game of Thrones” foi ótima, é certamente uma das melhores séries da HBO , seus efeitos são belos. Eles são muito realistas essas altamente. Essa série é para os amantes das grandes histórias de (misterio).

Deixe uma resposta